junho 08, 2012

Pastor evangélico que realizava culto com cobra morre picado por cascavel nos EUA



Igreja estimulava os fiéis a falar idiomas desconhecidos e a manusear serpentes


O pastor evangélico Mack Wolford, de Vírginia Ocidental, nos EUA, fazia sua pregação utilizando uma cascavel durante os cultos. Sua fé, no entanto, o levou à morte: o pastor morreu durante um culto após ser picado por uma de suas cobras.
A morte do pastor, ocorrida no dia 27 de maio, levantou uma polêmica nos Estados Unidos. Por que Wolford falava aos fiéis com uma cobra nas mãos? E por que essa prática ainda continua, mesmo com a morte de ao menos cem pessoas?
Wolford, de 44 anos, morreu durante um culto ao ar livre na cidade de Bluefield. A igreja do pastor estimulava os fiéis a falar idiomas desconhecidos e a manusear serpentes.
Neste domingo (10), o programa Domingo Espetacular, apresentado por Paulo Henrique Amorim, Janine Borba e Fabiana Scaranzi, levará ao ar uma reportagem especial sobre a história do pastor. O programa vai mostrar qual texto da Bíblia em que Wolford fundamentava sua fé. O espectador também vai conhecer os cultos polêmicos em que as cobras são parte do ritual.

Nenhum comentário:

Postar um comentário