terça-feira, 30 de outubro de 2012

PM de Senador Canedo apreende 200 quilos de maconha




A Polícia Militar apreendeu na tarde desta segunda-feira (29/10), no Setor Residencial Laranjeiras, em Senador Canedo, cerca de 200 quilos de maconha. Policiais militares do 27º BPM (Batalhão da Polícia Militar) conseguiram realizar a apreensão, após o recebimento de denúncias e levantamento de informações. Além dos 208 tabletes de maconha, os militares conseguiram localizar também uma balança de precisão e um revólver calibre 38. Todo o material apreendido estava em uma residência.
A ação, que foi coordenada pelo capitão Fábio Ramos, contou com a participação efetiva dos policiais militares tenente Reges, sargento Clayton, soldados Salgado, Rocha e Campos. Durante a abordagem, um homem de 30 anos foi preso. Ele já tem passagens pela polícia por tráfico de drogas e vai responder pelo mesmo crime. Já o irmão dele, que tentou esconder o revólver, foi autuado pelo crime de porte ilegal de arma. Os dois foram encaminhados ao Distrito Policial de Senador Canedo.


Esposa de militar desaparecida

O 2º sargento PM R/R Divino Ramos de Oliveira comunica que sua esposa, Maria de Fátima Santos Dutra (DN 13/12/1963), se encontra desaparecida desde o dia 26/10/12.
Qualquer informação entrar em contato através do telefone 62 99050801.

sábado, 27 de outubro de 2012

Carta de um Policial a um bandido.

Senhor Bandido,

Esse termo de senhor que estou usando é para evitar que macule sua imagem ao lhe chamar de bandido, marginal, delinquente ou outro atributo que possa ferir sua dignidade, conforme orientações de entidades de defesa dos Direitos Humanos.

Durante vinte e quatro anos anos de atividade policial, tenho acompanhado suas “conquistas” quanto a preservação de seus direitos, pois os cidadãos e especialmente nós policiais estamos atrelados às suas vitórias, ou seja, quanto mais direito você adquire, maior é nossa obrigação de lhe dar segurança e de lhe encaminhar para um julgamento justo, apesar de muitas vezes você não dar esse direito as suas vítimas. Todavia, não cabe a mim contrariar a lei, pois ensinaram-me que o Direito Penal é a ciência que protege o criminoso, assim como o Direito do Trabalho protege o trabalhador, e assim por diante.

Questiono que hoje em dia você tem mais atenção do que muitos cidadãos e policiais. Antigamente você se escondia quando avistava um carro da polícia; hoje, você atira, porque sabe que numa troca de tiros o policial sempre será irresponsável em revidar. Não existe bala perdida, pois a mesma sempre é encontrada na arma de um policial ou pelo menos sua arma é a primeira a ser suspeita.

Sei que você é um pobre coitado. Quando encarcerado, reclama que não possuímos dependência digna para você se ressocializar. Porém, quero que saiba que construímos mais penitenciárias do que escolas ou espaço social, ou seja, gastamos mais dinheiro para você voltar ao seio da sociedade de forma digna do que com a segurança pública para que a sociedade possa viver com dignidade.

Quando você mantém um refém, são tantas suas exigências que deixam qualquer grevista envergonhado. Presença de advogados, imprensa, colete à prova de balas, parentes, até juízes e promotores você consegue que saiam de seus gabinetes para protegê-los. Mas se isso é seu direito, vamos respeitá-lo.

Enfim, espero que seus direitos de marginal não se ampliem, pois nossa obrigação também aumentará. Precisamos nos proteger. Ter nossos direitos, não de lhe matar, mas sim de viver sem medo de ser um policial.

Dois colegas de vocês morreram, assim como dois de nossos policiais sucumbiram devido ao excesso de proteção aos seus direitos. Rogo para que o inquérito policial instaurado, o qual certamente será acompanhado por um membro do Ministério Público e outro da Ordem dos Advogados do Brasil, não seja encerrado com a conclusão de que houve execução, ou melhor, violação aos Direitos Humanos, afinal, vocês morreram em pleno exercício de seus direitos.

Autor: Wilson Ronaldo Monteiro - Delegado da Polícia Civil do Pará

Nota: Este artigo foi enviado por um leitor do blog. Faça contato conosco e envie seu texto para ser publicado no Universo Policial.

terça-feira, 9 de outubro de 2012

Corpo de mulher é encontrada a 14 km de Rio Verde em fazenda.


Na tarde desta segunda-feira, 8, o corpo de uma mulher foi encontrado no pasto da Fazenda Rio Verdinho na GO-174, a 14km de Rio Verde. Um morador da região ligou para a Polícia Civil e relatou o fato.




A mulher não foi identificada. A polícia já investiga o caso



O corpo da mulher apresentava vários ferimentos provocados por golpes de faca, sinal de amputação no dedo indicador direito e aparentemente uma das córnias da jovem foi arrancada.

A vítima não possuía documentação e não foi possível identificá-la.

O corpo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) e os trabalhos de investigação já iniciaram. Pelos traços dos ferimentos, acredita-se que a vítima foi torturada com  requintes de crueldade.

Da Redação do Rio Verde Notícias com informações do PatrulhaRV

FONTE:http://www.rioverdenoticias.com/2012/10/corpo-de-mulher-e-encontrado-em-fazenda-a-14-km-de-rio-verde.html

Vereadores eleitos em Acreuna - GO, para 2013 a 2016.


quarta-feira, 3 de outubro de 2012

Empresário morre após Lamborghini capotar e pegar fogo em SP.

Empresário morreu após sua Lamborghini capotar e pegar fogo na rodovia Marechal Rondon, em Lençóis Paulista (SP)


Um empresário de Bauru morreu carbonizado após seu carro, um Lamborghini Gallardo ano 2009, capotar e pegar fogo na noite de terça-feira (2) na rodovia Marechal Rondon, em Lençóis Paulista (287 km de São Paulo).
Segundo a polícia, testemunhas ouviram um barulho que parecia de um pneu estourando e em seguida viram o carro de Fabio Aguiar Fasano Meireles, 30, capotar e ser tomado pelo fogo na altura do km 299, sentido interior.
O veículo, avaliado em cerca de R$ 1 milhão, ficou completamente destruído, e o empresário morreu no local. Segundo a Polícia Rodoviária, o velocímetro do Lamborghini, que poderia apontar a velocidade em que o carro estava no momento do acidente, foi danificado com o fogo. O delegado de Lençóis Paulista Renzo Santi Barbin informou que o laudo da perícia deve sair em cerca de 30 dias.
A via ficou interditada durante a madrugada desta quarta-feira, até a chegada da perícia e a retirada do carro da via. O tráfego não foi totalmente bloqueado no local, pois os veículos passavam pelo acostamento.
Meireles fazia parte de uma família conhecida na região de Bauru (329 km de São Paulo), onde reside o avô. O caso foi registrado na delegacia de Lençóis Paulista.

terça-feira, 2 de outubro de 2012

Consumidor com nome sujo poderá limpá-lo via internet.


Pessoa usando computador
A Serasa Experian anunciou nesta segunda-feira (1) um novo serviço que permitirá que os consumidores 'limpem' seus nomes por meio da internet e sem gastar nada. A ideia do projeto, intitulado 'Limpa Nome', é facilitar a comunicação entre o cliente com pendências financeiras e as empresas credoras.
Com o site, as empresas poderão oferecer descontos para que seus clientes quitem suas dívidas, negociar condições de pagamento e até gerar o boleto para o pagamento do acordo. A empresa afirma que as condições de quitação de dívidas serão de total responsabilidade das companhias credoras, ou seja, a Serasa Experian é apenas uma plataforma para a conclusão do acordo.
Dívidas limpar nome pela internetOs clientes receberão uma carta com a senha de acesso ao Limpa Nome
Os clientes com dívidas com as empresas credoras que aderirem ao novo projeto receberão uma carta com uma senha de acesso ao site. Com isso, eles poderão acessar as propostas das empresas através do Limpa Nome utilizando o número do seu CPF e a senha enviada pelos Correios.
"O objetivo do Limpa Nome online é aproximar as empresas e os consumidores. A internet vai proporcionar mais facilidade para o cliente, e as credoras poderão oferecer melhores condições de pagamento', afirmou em comunicado oficial Ricardo Loureiro, presidente da Serasa Experian e da Experian América Latina.
A Serasa ainda ressalta que o programa foi totalmente desenvolvido em um ambiente protegido e os consumidores poderão ficar tranquilos quanto ao sigilo dos seus dados pessoais. E no primeiro dia do Limpa Nome, quatro empresas nacionais, incluindo bancos e redes varejistas, já começaram a oferecer acordos com descontos aos seus clientes.
O site ainda não está no ar, mas deverá ser liberado para visitação ainda hoje. Na home do Apoio ao Consumidor Serasa Experian, será possível fazer o cadastro.


Matéria completa: http://canaltech.com.br/dica/mercado/Consumidor-com-nome-sujo-podera-limpa-lo-via-internet/#ixzz288QKIuna 
O conteúdo do Canaltech é protegido sob a licença Creative Commons (CC BY-NC-ND). Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção. 


FONTE:http://canaltech.com.br/dica/mercado/Consumidor-com-nome-sujo-podera-limpa-lo-via-internet/

segunda-feira, 1 de outubro de 2012

Em menos de uma hora PM prende autores do assassinato do vice-prefeito de Cocalzinho de Goiás


Uma "discussão imbecil" motivada por uma briga sobre um cachorro. Assim resumiu o comandante do 13º Comando Regional da Polícia Militar (13º CRPM) de Águas Lindas de Goiás, coronel Divino Alves de Oliveira, sobre o assassinato do vice-prefeito de Cocalzinho de Goiás (GO, a 129 km de Goiânia), Pedro Ximenez (PSDB). Os dois suspeitos de cometer o crime em menos de uma hora foram presos por Polícias Militares do 17º BPM, Subtenente Rocha, Cabo Amarildo e Soldado Moura.

Segundo o Coronel Divino Alves, o crime ocorreu entre as 12h e 13h deste sábado (29/9). Pedro Ximenez estava no bar Santo Expedito, localizado no distrito de Girassol, município de Cocalzinho. No bar, o vice-prefeito discutiu com dois homens por conta de um cachorro de um deles, que latia muito. Irritado, o dono do animal saiu do local dizendo que o bicho era como um filho.

"Aí os dois foram em casa pegar uma arma, voltaram de bicicleta e já chegaram descarregando as armas em todo mundo, ferindo mortalmente o vice-prefeito e gravemente outras três pessoas que estavam próximas à vítima fatal. Foi uma discussão imbecil, o pessoal tem o sangue meio quente e acabou criando essa situação", explica Divino Alves.

Eles foram presos ainda no perímetro do distrito de Girassol e encaminhados ao Centro Integrado de Segurança Pública (Ciops) de Águas Lindas de Goiás, no Entorno do Distrito Federal (DF), sendo que um tem 28 anos e o outro tem 21anos de idade.

Com os envolvidos foram encontrados 02 (dois) revólveres calibre 38 com 12 (doze) munições deflagradas, e durante a busca domiciliar na casa de um dos autores foi encontrado mais 11(onze) munições de calibre 38, 85 (Oitenta e Cinco) gramas de maconha e uma balança de precisão.

O filho do subcomandante do 13º CRPM, tenente-coronel José Luiz Biano, José Luiz Biano Júnior, estava no local e foi alvejado com cinco tiros. Ele foi encaminhado ao Hospital Regional de Ceilândia, no DF, onde recebeu atendimento médico e não corre risco de morte.

O Coronel Divino Alves descartou a hipótese de crime político, devido ao período eleitoral, uma vez que Pedro Ximenes não concorria à reeleição.

Graças à dedicação, empenho e o profissionalismo dos Policias esses agressores sociais, que por uma simples discussão por causa de um cachorro tiraram a vida de uma pessoa e feriram outras três, foram retirados das ruas e entregues a Autoridade Policial competente.


FONTE:http://www.pm.go.gov.br/site/index.php?mod=portal/pmgoLerMateria&idM=58798